Feijão no algodão: passo a passo da experiência

Você provavelmente deve se lembrar do famoso experimento de feijão no algodão que os professores faziam com a gente na pré escola, não é mesmo?

Mas você sabe ou lembra qual a finalidade dessa experiência na sua vida? E você lembra como realizá-la?

Uma prática que tem sido utilizada até os dias atuais, traz mais fundamentos para a criança do que você imagina.

Então, se você está em busca de maiores informações deste experimento, entender quais são as vantagens que ele traz para a educação infantil e como realizar o passo a passo para que a criança realize e entenda sobre cada fase do feijão no algodão, você está no lugar certo!

Uma experiência simples e cheia de ensinamentos, se torna ainda mais interessante quando realizada em grupos, já que cada semente possui uma forma de germinar, trabalhando questões psicológicas como a frustração daqueles que não possuem uma semente saudável.

Assim, a criança pode criar estratégias de fazê-la crescer ou simplesmente iniciar o processo novamente a partir de técnicas de superação.

Foto: @dandaraaquino09

Além disso, se trata de uma atividade muito barata e fácil de executar e acompanhar. E o melhor de tudo, as crianças amam este contato com a natureza!

Portanto, continue aqui com a gente e veja a seguir cada uma dessas informações e muito mais! Confira a seguir.

Como plantar feijão no algodão?

A atividade de plantar feijão no algodão é bem simples, prática, divertida e cheia de ensinamentos.

Esta rotina deverá ser diária a partir do momento que a atividade se inicia. Normalmente, o acompanhamento dura em torno de 45 a 60 minutos, podendo variar para mais ou para menos de acordo com a quantidade de crianças envolvidas no experimento e as ações a serem trabalhadas.

como germinar feijão no algodão
Foto: @natal1a_antunes

para esta atividade, você irá precisar de:

  • Água;
  • Sementes de feijão, que também podem ser os grãos (utilize 4 sementes ou grãos no experimento);
  • Chumaços de algodão;
  • Um copo de plástico descartável ou um potinho pequeno de vidro.

Lembrando que se a opção de recipiente for um pote de vidro, o cuidado durante o momento do acompanhamento diário deverá ser reforçado, nunca deixando a criança sozinha para que possíveis acidentes sejam evitados.

Continue aqui com a gente e veja a seguir o passo a passo para esta atividade.

Fases do feijão no algodão passo a passo

Agora que você já sabe quais são os materiais precisos para a realização desta atividade educativa e cheia de diversão, você pode iniciar o procedimento explicando que cada procedimento, inclusive o acompanhamento, será feito em grupo.

Assim, a  criança também recebe o mérito por ter feito parte de cada uma das etapas seguintes, mostrando o quão capaz ela é.

Depois, inicie o processo pegando os materiais a serem utilizados e peça para que cada uma delas molhe um pouco o algodão e depois o coloque no fundo do copo de plástico descartável ou potinho de vidro.

Em seguida, peça para que eles acrescentem os grãos ou sementes de feijão no meio do algodão de forma que fiquem cobertos. Após isso, escolha um local bem iluminado pelo sol para que eles possam ser armazenados.

Diariamente, você poderá acompanhar as crianças para realizar a rega de seus feijões. Por isso é importante que cada vasinho improvisado esteja identificado com o nome da criança.

Após uns dias, já será possível ver os brotinhos de feijão surgirem em meio ao algodão. E explique a elas a importância sobre cuidar diariamente não só para fazer a sua plantinha crescer, mas sobre cuidar tão bem quanto quando ela já estiver em desenvolvimento.

Veja o passo a passo do canal ComoPlantar.eco.br:

O que essa atividade pode ensinar para crianças da educação infantil?

Uma atividade simples, prática, mas que traz grandes ensinamentos para as crianças que estão ainda na educação infantil.

experiência feijao no algodao
Foto: Besige Breintjies

Afinal, a atividade de plantar o feijão no algodão, faz com que a criança tenha o seu senso de responsabilidade expandido. Uma vez que para que o seu feijão se desenvolva, ela precisa entender o que está fazendo, além de ter bastante cuidado e atenção.

Além disso, também é ensinado questões de paciência, já que elas precisam ficar atentas aos sinais de crescimento e necessidades fisiológicas do feijão.

Também é trabalhada questões sobre frustrações, já que cada uma das sementes tendem a responder de formas diferentes. Assim, elas terão que entender que nem tudo é como esperamos.

Mas, que para alcançar os objetivos, maiores cuidados e estratégias deverão ser realizadas para que o seu feijão também se desenvolva, assim como os de sementes mais resistentes.

Contudo, da mesma forma essas crianças também podem se encorajar a plantarem mais feijões caso a outra semente não fertilize. Assim, as questões de persistências também podem ser trabalhadas, trazendo à tona a compreensão que também se faz importante para não desistir logo no primeiro obstáculo.

Foto: @aelleneves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *